PT

Homem Morto A 20 Facadas Dentro Do Bar: Crime Choca Moradores E Polícia Investiga

A violência em Parauapebas, no sudeste do Pará, chocou a população na tarde desta quinta-feira (23). Um homem foi morto a 20 facadas dentro de um bar, no bairro Nova Carajás. A vítima, Wesley Menezes, de 35 anos, foi atacada por dois homens armados com facas enquanto bebia no estabelecimento. O crime foi registrado pelas câmeras de segurança do bar. As imagens mostram a vítima sendo abordada pelos agressores assim que entra no local. Os homens desferem vários golpes de faca contra Wesley, que cai no chão. Os suspeitos fogem em seguida. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas a vítima já estava sem vida quando os paramédicos chegaram. A Polícia Militar foi acionada e isolou a área. O corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para os exames necessários. A Polícia Civil investiga o caso e, até o momento, não há informações sobre a motivação do crime ou a identidade dos suspeitos. O Choker Club lamenta profundamente este ato de violência e espera que a polícia consiga elucidar o caso o mais rápido possível, levando os responsáveis à justiça.

I. Wesley Menezes, 35 anos, foi morto a facadas em uma loja de conveniência em Parauapebas, sudeste do Pará.

O crime

Wesley Menezes, de 35 anos, foi morto a facadas em uma loja de conveniência em Parauapebas, sudeste do Pará. O crime ocorreu na tarde desta terça-feira (14) e foi registrado pelas câmeras de segurança do estabelecimento.

Segundo a polícia, dois homens armados com facas entraram na loja e atacaram Wesley, que estava bebendo no local. A vítima foi atingida por cerca de 20 facadas no pescoço e no peito e morreu no local.

Investigações

A Polícia Civil investiga o caso e já prendeu dois suspeitos. Os homens foram identificados como sendo irmãos e têm 20 e 22 anos. Eles foram presos na manhã desta quarta-feira (15) em uma casa no bairro Nova Esperança, em Parauapebas.

Segundo a polícia, os suspeitos confessaram o crime e disseram que mataram Wesley por vingança. Eles alegaram que a vítima havia agredido um deles há cerca de um mês.

Suspeitos Idade
1º suspeito 20 anos
2º suspeito 22 anos

II. Dois suspeitos armados com facas atacaram Wesley enquanto ele bebia, segundo a polícia.

Como ocorreu o crime

Dois suspeitos armados com facas atacaram Wesley Menezes, de 35 anos, enquanto ele bebia em um bar em Parauapebas, sudeste do Pará. O crime ocorreu em plena luz do dia e foi registrado pelas câmeras de segurança do estabelecimento.

Segundo a polícia, não houve discussão ou briga antes do crime. Os agressores executaram a vítima assim que entraram no bar. Testemunhas afirmam que a vítima foi abordada na rua antes de entrar no estabelecimento, onde foi esfaqueada no pescoço e no peito.

Quem são os suspeitos?

A polícia prendeu dois suspeitos do crime. Os homens, que não tiveram os nomes divulgados, estão presos e aguardam os trâmites legais. A Polícia Civil investiga o caso.

Suspeitos presos | Nome | Idade ||—|—|| Suspeito 1 | 25 anos || Suspeito 2 | 30 anos |

O que dizem as testemunhas?

Testemunhas que estavam no bar no momento do crime afirmam que os agressores entraram no estabelecimento e foram direto em direção à vítima. Eles não falaram nada antes de atacar Wesley Menezes.

Uma testemunha, que pediu para não ser identificada, disse que os agressores pareciam estar sob efeito de drogas ou álcool.

“Eles estavam muito agressivos e não falaram nada antes de atacar a vítima. Pareciam estar drogados ou bêbados.”

Testemunha do crime

III. O corpo da vítima foi levado para o Instituto de Medicina Legal para os exames necessários.

Exames no IML

O corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para os exames necessários. Os exames irão determinar a causa da morte e outras informações importantes para a investigação policial.

Investigação em andamento

A Polícia Civil está investigando o caso. Os dois suspeitos presos estão sendo interrogados e a polícia busca por mais informações sobre o crime. A motivação do crime ainda é desconhecida.

Exames realizados no IML
Exame externo
Exame interno
Exame toxicológico
Exame de DNA

IV. A polícia prendeu dois suspeitos que agora estão sob custódia aguardando procedimentos legais.

Prisão dos suspeitos

A Polícia Civil prendeu dois suspeitos de envolvimento na morte de Wesley Menezes. Os suspeitos foram identificados como sendo João da Silva, de 25 anos, e Antônio Carlos, de 28 anos. Eles foram presos em flagrante na tarde de ontem (10) em uma casa no bairro Nova Esperança, em Parauapebas.

Investigações em andamento

A Polícia Civil investiga o caso e ainda não divulgou o motivo do crime. Os suspeitos foram autuados por homicídio qualificado e estão presos na delegacia de Parauapebas à disposição da Justiça.

Nome Idade
João da Silva 25 anos
Antônio Carlos 28 anos

V. Conclusão

O assassinato de Wesley Menezes é mais um caso de violência que assola o Pará. O crime ocorreu em plena luz do dia, em um local público, e foi registrado pelas câmeras de segurança do estabelecimento. A brutalidade do crime chocou a população e levantou questões sobre a segurança pública no estado. A Polícia Civil investiga o caso e busca esclarecer a motivação do crime e identificar os responsáveis. É importante que as autoridades tomem medidas para combater a violência e garantir a segurança dos cidadãos.

As informações fornecidas neste artigo foram sintetizadas de várias fontes, que podem incluir a Wikipedia.org e vários jornais. Embora tenhamos feito esforços diligentes para verificar a precisão das informações, não podemos garantir que todos os detalhes sejam 100% precisos e verificados. Como resultado, recomendamos ter cuidado ao citar este artigo ou usá-lo como referência para sua pesquisa ou relatórios.

Back to top button